Páginas

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Procurada por Serra e Dilma, Marina decidirá apoio em convenção do PV

Reunião da executiva nacional da legenda deve ocorrer em até 15 dias

A candidata do PV à Presidência, Marina Silva, deve decidir quem apoiar no segundo turno da disputa em uma convenção da legenda que deve ocorrer em, no máximo, 15 dias. Terceira colocada na disputa, com 19,6 milhões de votos, a senadora verde disse nesta segunda-feira (4) que já foi procurada pela concorrente Dilma Rousseff (PT) e por José Serra (PSDB), mas afirmou que ainda não tem um “posicionamento definido”.

- Ambos me telefonaram para parabenizar a contribuição que demos ao país, as propostas que apresentamos. E ambos, muito rapidamente, manifestaram o desejo de ter uma oportunidade de conversar, caso eu ache oportuno e no momento adequado. Recebi os cumprimentos e também os parabenizei por terem ido para o segundo turno, e disse que todos nós tivemos uma segunda chance.

Em rápida entrevista coletiva em São Paulo, Marina afirmou que ainda quer conversar com a coordenação do Partido Verde para definir o que deve ser feito daqui para frente. Isso porque, segundo ela, o resultado das urnas mostrou que o projeto apresentado por ela e pelo vice, Guilherme Leal, é “maior que o partido”.

- O resultado que tivemos de aprovação ao projeto que eu e o Guilherme apresentamos, temos a consciência, e uma boa parte da direção do PV também tem essa consciência, que é muito maior que o nosso partido.

Segundo Marina, a decisão de realizar uma convenção para decidir quem apoiar no segundo turno foi definida pelos verdes ainda em 2009. Embora tenha defendido que sua decisão será tomada após o encontro com os dirigentes da sigla, a ex-ministra do Meio Ambiente admitiu que pode não seguir a orientação do PV. Ela, porém, fez questão de ressaltar que ainda não está decidida.

-Vamos estabelecer um processo para que possamos firmar um posicionamento. Eu tenho algumas ideias, tenho conversado com algumas pessoas e, para mim, é importante que essas etapas sejam cumpridas. […] Eu vou vivenciar o processo. Vou conversar com diferentes segmentos da sociedade, vou participar da convenção e vou firmar o meu posicionamento.

O número de votos obtidos por Marina – 19,3% do total – foi o que impulsionou o segundo turno na disputa pelo Palácio do Planalto. O resultado surpreendeu, pois foi superior ao projetado pelos institutos de pesquisa antes da votação. A primeira colocada na eleição foi Dilma, com 46,9% dos votos, contra 32,6% de Serra.

Os eleitores brasileiros voltam às urnas para escolher o novo presidente da República no próximo dia 31.

Nenhum comentário: